Ônibus Lilás realiza atendimento à mulher na vila Nossa Senhora Aparecida

15/05/2018 10h37 - Por: Bruna Corrêa / DECOM

 

O Ônibus Lilás de enfrentamento contra a violência da mulher estará em Amambai até o mês de outubro realizando diversas atividades organizadas pela Coordenadoria de Políticas Públicas para a Mulher (CPPM).

Uma delas acontece na sexta-feira, 21 de maio, na vila Nossa Senhora Aparecida, a partir das 9h30 em parceria com a Defensoria Pública, através do Dr. Marcelo Marinho. Será realizada roda de conversa com as mulheres sobre Direitos e Deveres no Casamento, panfletagem e esclarecimentos jurídicos.

Segundo a gestora da CPPM, Rhaíssa Siviero, o ônibus possui uma estrutura completa para dar suporte as programações. "Estaremos oferecendo atendimento individualizado após o bate papo dentro de duas salas equipadas com ar condicionado, computador e impressora que fazem parte do ônibus, as mulheres presentes poderão conversar comigo ou com o Dr. Marcelo", explica.

Sobre o ônibus

Ainda de acordo com a gestora, o Ônibus Lilás visa minimizar a distância entre as mulheres que moram longe da cidade e muitas vezes tem dificuldade de vir até a cidade para solicitar algum serviço. "Esclarecimentos jurídicos, duvidas com a polícia, boletim de ocorrência, todos esses serviços poderão ser fornecidos diretamente neste Ônibus durante o tempo que ele estará no município", afirma ela.

Como o intuito do veículo é diminuir essa distância, atendendo lugares como aldeias e assentamentos, ele também está equipado com 24 cadeiras, banheiro, um toldo e até mesmo uma minicozinha com cafeteira e micro-ondas, para que essas mulheres possam receber os esclarecimentos e palestras com mais conforto.

Próximas atividades

Nos próximos dias, estarão sendo realizadas outras atividades dentro do Ônibus, não apenas sobre violência doméstica, mas também serviços de assistência social, como o Cadastro Único. "Estaremos oferecendo outros serviços que vão sendo adiados pelas mulheres por causa da distância, exceto de saúde, algo que confunde as pessoas que procuram do Ônibus", explica Rhaíssa.

Nos dias 17 e 18 de maio o Ônibus estará nas aldeias Amambai e Limão Verde durante o dia todo para um mutirão da Polícia Civil, Militar e FUNAI em busca de autores, vítimas e testemunhas que estão em Boletins de Ocorrência parados.

No dia 10 de junho, estará no assentamento Magno de Oliveira, na parte da manhã para uma roda de conversa com as mulheres sobre a Lei Maria da Penha, em parceria com a Polícia Civil e a Defensoria Pública.